23 outubro, 2009

Fim imprevisto

Para nunca sofrer é preciso nunca amar.

7 comentários :

Nanda Assis disse...

concordo plenamente.

bjosss...

John, O Lobo disse...

Com certeza, sem um não se conhece o outro...
É como saber o que é calor sem saber o que é frio, ou saber o que é o escuro sem conhecer o claro.

Patrícia Harumi disse...

E como faz pra se sentir vivo?

Anônimo disse...

Realmente.
E pra se sentir vivo é só bater o dedo na quina da cama =)

Xana disse...

E porque é que esse sr. sofrimento anda sempre de mão dada com o amor?

Matem o gajo! :)

beijos e uma otima semana sem esse tal de sofrimento OK?

João Romova disse...

Arcano, tenho procurado por você...

ARCANO disse...

Estou aqui.

(: