20 julho, 2014

Depois da manhã

Não arranje defeitos em você e nem crie problemas que não são seus. Você terá dias lindos e outros nem tão bons assim, mas o importante é viver e sobreviver a cada um deles. Há sorrisos que não são nada fáceis de sustentar, sempre que possível tente dar fé para suas esperanças mesmo quando seu presente ser mais passado do que futuro, mesmo quando te faltar coragem para insistir no que você quer e não consegue, mesmo quando tudo dar errado como uma reprise de fracassos.

Tome tequila e vergonha na cara! Até quando você vai deixar os outros te desmontarem assim? Tira essa venda do coração, guria! Enxergue o que você sente e deveria deixar de sentir, encare que nada que é real pode ser perfeito.

Quando você se deixa encantar precisa tomar o mesmo cuidado que se deve ter ao atravessar a rua. Nunca se sabe quando uma decepção irá nos atropelar. Eu sei que é mais fácil escrever do que tomar as rédeas das nossas angustias, iludir a si mesmo, quem nunca?

Provavelmente você esteja vivendo dois momentos de sua vida: ou esta feliz por ter tudo ou acredita estar infeliz por não ter o suficiente. Mas, a felicidade se disfarça em detalhes, quando estamos preocupadas demais em  viver a vida dos outros ou pior, a ilusão dos outros, não reconhecemos que amanhã pode ser muito melhor.


Que daqui para diante você encontre quem te busca, reconheça quem te quer bem e cuide de qualquer um que se importe com teus sorrisos tanto quanto se importe com as tuas lágrimas. Às vezes não cabe a nós escolher a quem amar, porém só nós podemos manter um amor. Ainda bem que temos depois de amanhã para tentar e nós mesmos para nos amar.


2 comentários :

Poeta da Colina disse...

Ser feliz e não se conformar com menos do que isso.

S disse...

Lu, saudade dos seus texto, escreve maaaais.
Beijos