14 maio, 2008

Craque

A idéia de curar ou afugentar minhas frustrações nas drogas nunca passou pela minha cabeça, acredito que comprar alguns chocolate e ver Titanic ou Ghost seja mais compatível com meu jeito hostil de lidar com tudo. Sim, crescimento pessoal é muito doloroso.
Se bem, que nunca tive a oportunidade de me questionar sobre isso, talvez com um pouco de
maconha eu veja que o mundo nem é tão ruim assim. Eureka! Eu poderia deixar de grande parte do que me persegue, do que me faz querer fugir de mim. Não, minha quase asma não permitiria tal atrevimento. Fico com meu orgulho e lágrimas secas. Deixo a maconha para os quase fracassados.
A minha realidade é o que não consigo nunca. Já me acostumei com tudo que me é negado, eu creio que desistir seja a forma mais inteligente de tentar permanecer intacta, embora queira muito, a ganância corresponde a tudo que deixo estar como está.
O que há de revoltante num estilo de vida individual? As pessoas se irritam com aqueles que
adotam padrões de vida muito individuais.
Elas se sentem humilhadas, reduzidas a seres ordinários, com o tratamento extraordinário que eles dispensam a si mesmos. E usar craque ou êxtase não vai fazer de você alguém com poderes
titânicos. Deixe de ser idiota, em vez de comprar droga dê o dinheiro para mim, eu coleciono moedinhas.
Eu tenho um problema. Na verdade, vários, mas o problema em questão é que eu quero sempre transformar acontecimentos convencionais em eventos cinematográficos, aquela velha história de "ter coisas pra contar". Mas isso cansa. E o uso de drogas não fará suas histórias serem melhor que as minhas. Você vive uma inventada realidade e eu uma realidade inventada. Tudo depende dos interesses. O que vai vender mais: desabafos de uma garota de 17 anos fracassada e sem coração, ou aventuras de um drogado que foge da policia?-
ok, não responda.
Não preciso fabricar nenhuma boa consciência, não sofro disso. Minha vida é um amplo progresso entre zero e um. Deixe de ser esse retratista tratante. Entre para o
time de futebol de sua escola, do seu bairro ou dos traficantes que te vendem a ‘felicidade instantânea’ – ignore esse último comentário, ou não.Desde pequena jogo bola, no próximo texto vou contar como tudo começou, construir uma carreira não é fácil. Acredito em momentos de exceção. Admito que quando estou em campo me sinto menos presa e quase livre, correr atrás de algo, mesmo que seja uma bola é idiota o suficiente, mas me faz bem, ali eu tenho um objetivo: dar o melhor de mim, fazer gol, ganhar. Não que eu saiba perder, mas digamos que aceito a situação com toda classe e indiferença. Costumam me chamar de craque, mas admito que nem sei por que tal nomenclatura – olho para minhas mãos. Então, pratique esportes. Futebol, handebol, basquete, sexo, ciclismo, corrida... – caso você tenha mais de 85 anos aconselho xadrez ou maconha. Sexo não é aconselhável, paradas cardíacas acontecem frequentemente, entendeu?

6 comentários :

Homo sapiens disse...

Pra quê drogas? Temos que ser felizes por natureza, drogas são para bobos... ehaua.
Agora para completar, uma frase de efeito MTO tosca, "Você continua Craque nas palavras", não foi com um sentido pejorativo, eu posso garantir.


BjoO
p.s: Você sumiuuuu T_T

sylvia disse...

adoro seu cinismo, ele tem tanta classe que seja a ser engraçado de se ler!

é isso aí garota, é fácil desistir do amor da sua vida, descobrir que tem cancer quando ou derivados quando se está bebado! sofro na pele o que é ter que aprender a passar por essas coisas sóbrio

já te disse que acho um máximo voce jogar futebol né?!
acho que eu nem sei andar de tenis
¬¬

Ghost of a good thing disse...

Você é ótima.

Kbaço disse...

valeu, voce escreve bem tbm! comecei agora a mexer nesse blog, quero postar mais coisas, mas tenho q me adapta com isso de virtual! uaheuhea

bjo

guilherme disse...

Caracólis ;OO
Você escreve muito bem *-*

Tbm jogo futibol o/
a sensação é otima,
quando vc está feliz joga pelo prazer, e quando tá triste pra descontrair ;)


Beijo ;*

patricia disse...

Caracólis ;OO
Você escreve muito bem *-*

Tbm jogo futibol o/
a sensação é otima,
quando vc está feliz joga pelo prazer, e quando tá triste pra descontrair ;)


Beijo ;*


PS: comentei pelo orkut do meu irmão(Y)